Padre proíbe livreto da Via Sacra da Campanha da Fraternidade da CNBB em sua paróquia

O DIGNO PÁROCO de Nossa Senhora Aparecida do município de Rolândia, PR, Padre Renato Colbert Bertin, vem a público esclarecer porque proibiu a recitação do livreto da Via Sacra da CNBB para a Semana Santa deste ano 2018*. Demos graças a Deus por esta atitude e supliquemos por mais sacerdotes que tenham coragem para confessar o Evangelho e não a cartilha comunista desgraçadamente adotada por boa parte dos nossos bispos.



** Assine a revista O FIEL CATÓLICO e tenha acesso a muito mais!

_________
* Segundo depoimentos de paroquianos, ou ao menos de partes dos conteúdos do mesmo livreto, claramente manipuladas para favorecer ideologias contrárias à Tradição e o Magistério da Igreja.

www.ofielcatolico.com.br

13 comentários:

  1. tomara que ele não venha a ser punido... oremos para que Deus inspire mais e mais sacerdotes a empunharem com dignidade o estandarte de Cristo contra os males do comunismo que infelizmente infiltrou grande parte da igreja

    ResponderExcluir
  2. Precisamos de mais padres corajosos.

    ResponderExcluir
  3. Aqui na comunidade onde moro, um grupo de casais há anos utiliza esse livreto da CNBB para fazer encontros da CF nas casas. Um dos líderes do grupo é petista roxo, é filiado ao PT há anos,sempre fez campanha para Lula quando esse foi candidato as duas vezes que se tornou presidente , e inclusive colocou o nome de seu único filho com o nome de Luis em homenagem ao chefe do PT ! Ele também já foi "ministro da Eucaristia "e "ministro do batismo" como também coordenador da catequese na capela daqui do bairro e da paróquia! Seu único filho é homossexual assumido e há anos vive com outro homem morando na casa do pai !Me afastei desse rapaz por que ele vive a criticar a Igreja católica que segundo ele , tem de passar por mudanças rumo a "modernidade" ! No dia da orixá iemanjá e nos dias de comemorações espíritas do baixo espiritismo, ele coloca palavras de apoio às religiões afro no seu Facebook e acha "normal " isso ! Graças a Deus há anos não participo desses encontros da CF, pois nada tem haver com a Quaresma e sinceramente rezo para que Deus abra as mentes de muitos cristãos e comecem a rejeitar essa CF.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia!

      Todas essas coisas já foram passadas ao Padre?

      Excluir
  4. Tenho uma admiração ao Padre Renato, o acompanho em suaa redes sociais e vejo o quanto ele zela pela salvação das Almas, principalmente difundindo a Consagração Total a Virgem Maria, e ainda mais importante, a manutenção dos consagrados. O admiro por sua ousadia, principalmente por fazer parte da diocese de Londrina/PR e dever obediência a Dom Geremias.

    ResponderExcluir
  5. Hoje.. Eles Põem Uma Palavra.. e todos se calam.. amanhã põem um pequeno texto.. e todos se calam.. depois Eles Põem Todo o Livro.. aí quando forem falar.. já é tarde..

    Parabéns a este Padre.. Que Usou de Sua Consciência.. e de seus Conhecimentos.. para Dizer Não a "Isto"..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já ouviste falar na "Janela de Overton"? É exatamente isso que mencionaste... E o pior, estão agindo dessa forma em todas as áreas da sociedade, não só nas igrejas

      Excluir
  6. Embora não seja de Rolândia, parabenizo ao Pe. Roberto pela coragem, pela fidelidade à Santa Igreja e pela a fé católica. Não é somente o assunto em questão, mas tenho observado que a nossa Igreja vem sofrendo há décadas uma infiltração esquerdista quase imperceptível à maioria dos fiéis e até mesmo por alguns Sacerdotes não estão tão vigilantes, a ponto de não perceber que a igreja está sendo sutilmente instrumentalizada por comunistas e socialistas, com o objetivo de se expandirem por toda a América Latina.

    ResponderExcluir
  7. CORREÇÃO: Me equivoquei, acabei por errar o nome do Padre Renato.PEÇO DESCULPAS!

    ResponderExcluir
  8. No meu livreto não encontrei as citações as quais o padre se refiriu, mas infelizmente tem muita gente envolvida nessa sujeira.

    ResponderExcluir

** Assine a revista O Fiel Católico digital e receba nossas novas edições mensais em seu e-mail por uma colaboração mensal de apenas R$9,50. Ajude-nos a continuar trabalhando pelo esclarecimento da fé cristã e católica!


AVISO aos comentaristas:
Este não é um espaço de "debates" e nem para disputas inter-religiosas que têm como motivação e resultado a insuflação das vaidades. Ao contrário, conscientes das nossas limitações, buscamos com humildade oferecer respostas católicas àqueles sinceramente interessados em aprender. Para tanto, somos associação leiga assistida por santos sacerdotes e composta por professores doutores, mestres e pesquisadores. Aos interessados em batalhas de egos, advertimos: não percam precioso tempo (que pode ser investido nos estudos, na oração e na prática da caridade) redigindo provocações e desafios infantis, pois não serão publicados.

Receba O Fiel Católico em seu e-mail