Para bilionário Soros, aprovação do aborto na Irlanda seria o primeiro passo contra países católicos


VAZARAM RECENTEMENTE diversos arquivos contendo planos da Fundação Open Society, do globalista magnata George Soros, onde se vê claramente que ele e seu instituto financiam e promovem diversos movimentos de esquerda (sim, os movimentos revolucionários anticapitalistas são financiados por mega-capitalistas) que lutam pela legalização das drogas e legalização do aborto em vários países. O link a seguir remete aos arquivos que contém estes planos: Soros.DCLeaks.Com

Ao acessar o link, haverá diversas opções de regiões onde ocorre a influência de Soros e seu dinheiro; clicando sobre o nome de cada região serão disponibilizados os arquivos com os planos destinados para cada uma.

É óbvio que os globalistas odeiam a Igreja Católica e todos os valores cristãos, porém talvez agora esta realidade tenha se tornado mais evidente do que jamais foi. Soros e outros ricos financiadores do aborto poderiam usar o caso da Irlanda como modelo para mudar as leis pró-vida em outros países católicos, conforme sugere um aparente plano vazado da Fundação Open Society para o período entre 2016 e 2019.

“Com uma das leis de aborto mais restritivas no mundo, uma vitória aí poderia impactar fortemente outros países católicos na Europa, tais como a Polônia, e oferecer a prova tão necessária de que a mudança é possível, inclusive em lugares muito conservadores”, lê-se no documento, que também registra apoio aos esforços pró-aborto no México, Zâmbia, Nigéria e Tanzânia, assim como em outros países da América Latina e Europa. O documento aponta particularmente as proteções constitucionais do direito à vida desde a concepção.

A estratégia da Fundação Open Society (com sede em Nova Iorque, EUA) para o seu programa de "direitos das mulheres" estaria incluída entre os documentos publicados pelo DCLeaks.com. O site assegura que os documentos são da influente fundação internacional criada pelo multimilionário.

Em 2015, a revista Forbes estimou que a riqueza líquida de Soros é de 24,5 bilhões de dólares, colocando-o no posto de 16º homem mais rico dos Estados Unidos. Um dos três temas do programa é conseguir acesso ao "aborto legal", incluindo os esforços para derrogar a Oitava Emenda da Constituição da Irlanda.

A emenda, aprovada em 1983, reconhece “o direito à vida do não nascido e, com a devida consideração ao mesmo direito à vida da mãe, garante em suas leis respeitar e, tanto como seja viável, defender e reivindicar em suas leis esse direito”.

A suposta proposta de estratégia da Fundação Open Society diz que financiará as campanhas Direito ao Aborto, Anistia Internacional Irlanda e Associação de Planejamento Familiar Irlandesa “para trabalhar coletivamente em uma campanha para derrogar a emenda constitucional, concedendo direitos iguais tanto para um embrião implantado como para a mulher que está grávida”.

Cora Sherlock, vice-presidente do grupo irlandês Pro-Life Campaign (Campanha Pró-vida), advertiu que “se for verdade, estas são notícias devastadoras”.

Em declarações ao Grupo ACI, Sherlock indicou que “uma coisa é certa. Aqueles que impulsionam o aborto na Irlanda têm enormes recursos que não tinham há poucos anos. O dinheiro não está sendo arrecadado dos cidadãos irlandeses comuns. Com certeza”.

Para a líder pró-vida irlandesa, o fato de que uma fundação estrangeira “financie e organize grupos na Irlanda para desmantelar a proteção do não nascido no país representaria uma grave interferência e um total desprezo pelos irlandeses”.

Sherlock ainda lamentou que seja “extremamente difícil” para os pró-vida enfrentar estas campanhas, pelo financiamento de quem promove o aborto, e exigiu que estas organizações se pronunciem sobre o aparente financiamento internacional.

“Não é uma surpresa que os grupos pró-aborto internacionais estejam tentando impor sua agenda na Irlanda”, disse, pois “o excelente histórico da Irlanda quanto à segurança de gravidez de mulheres sem recorrer ao aborto é uma importante fonte de vergonha para os promotores do aborto, já que debilita completamente seu argumento de que o aborto ajuda as mulheres de algum jeito”.

A aparente estratégia da fundação de Soros para legalizar o aborto na Irlanda destaca também que a recente aprovação do chamado "casamento gay" naquele país oferece “oportunidades valiosas e oportunas para avançar na campanha”.

Nos próximos três anos de atividade, esperam deter, mitigar e reverter a maré de leis de caráter fetal e emendas constitucionais” e gerar “um conjunto robusto de organizações que avancem e defendam os direitos sexuais e reprodutivos e injetem novas ideias/estratégias no campo”.

A aparente estratégia da fundação de Soros assegura que financiará o grupo pró-aborto "Grupo de Informação em Reprodução Escolhida" (GIRE) do México, e reconhece que já intervêm na International Women’s Health Coalition, no Centro para os Direitos Reprodutivos, na National Advocates for Pregnant Women e Women on Web.

Outros grupos feministas financiados pela fundação do magnata Soros incluem o fundo FRIDA e "O Closet da Irmã Joana", que promove os “direitos sexuais e reprodutivos” de lésbicas e transexuais mulheres.

A Fundação Open Society reportou ao FBI uma violação da sua segurança em junho deste ano. Uma investigação de uma assinatura de segurança teria encontrado que a intrusão se limitou ao sistema da Intranet usado pelos diretores da fundação, assim como sua equipe e sócios.

____
Fonte:
ACI Digital, disp. em:
http://www.acidigital.com/noticias/para-milionario-soros-aborto-na-irlanda-seria-primeiro-passo-contra-paises-catolicos-43596/
Acesso22/8/016
www.ofielcatolico.com.br

6 comentários:

  1. Caríssimos irmãos em Cristo, Salve Maria. Convém lembrar que esse senhor soros e sua Fundação Open Society contribuem com generosas doações para Ongs Sou da Paz e Viva Rio,que são globaliostas e esquerdistas. Tais Ongs com suas mentiras, sofismas e falácias ajudaram o governo de esquerda a nos empurrar goela abaixo o malfadado Estatuto do Desarmamento. Tal Estatuto não respeitou a vontade da maioria da população que disse não a tal ato. A história nos ensina que após a revolução russa de 1917 o governo comunista recolheu todas as armas da população. O mesmo ocorreu com os nazistas, que antes de iniciar a perseguição aos judeus confiscou todas as suas armas. O mesmo fez Fidel após a revolução cubana confiscando todas as armas dos camponeses.
    Que a Virgem santíssima esmague a cabeça da serpente comunista infernal. E que o glorioso São Gabriel Possenti, protetor dos atiradores, guie nossa mira para acertar no centro e proteja-nos dos inimigos do amor, da justiça e da liberdade. Amém.

    ResponderExcluir
  2. A pergunta que não quer calar: Porque este magnata judeu ateu, quer tanto que o aborto seja liberado em todo o mundo?.

    Sidnei.

    ResponderExcluir
  3. Caro Henrique (ou algum dos irmãos mais avançados), você sempre se mostra prudente em suas análises, o que pensa (ou pode externar) sobre isso:

    https://fratresinunum.com/2016/08/24/as-30-moedas-dos-judas-hodiernos/

    Grato.

    ResponderExcluir
  4. Recomendo a todos os católicos de boa vontade que leiam o artigo indicado pelo anônimo sobre os Judas hodiernos, sabendo que não é por acaso que os defensores do financiamento esquerdista de certas personalidades ficam calados, caluniando os que lhes tentam abrir os olhos com o rótulo de "radtrads" ou sei lá mais o que.
    Mudando bem pouco de assunto, sabendo que este é um blog católico, que como evidencia a campanha ao lado, quer ver a Igreja livre da ideologia marxista e socialista, não entendo como um site socialista como o "(sic)Caritas in (sic) Veritate" que, afirma, com todas as letras, que o PT é um partido que defende os "pobres (lulinha e Armando Monteiro, por exemplo) e oprimidos (tirando os oprimidos pelo PT, é claro)", componha a Fraternidade de blogs católicos, se claramente trabalha contra a Fé da Igreja. Independente da questão jurídica e técnica do Impeachment, sobre a qual nenhum católico é obrigado a concordar (até certo ponto, eu diria), é certo que o dono do site citado fez uma defesa descarada do governo Dilma, inimigo da Igreja e sem dúvida aliado de George Soros. Para ele, a democracia compatível com a Igreja é certamente a existente nos países bolivarianos e comunas em geral, inclusive. Disponibilizo o endereço mencionado:http://www.caritasinveritate.teo.br/2016/08/que-os-deuses-nao-cometam-pecado/.
    Se o Apostolado pudesse me esclarecer, ficaria muito grato, pois acredito que vocês não endossariam tal postura se tivessem ciência dela.
    Shalom!

    ResponderExcluir
  5. Fundação Open Society?
    O correto é CLOSED SOCIETY!
    Evidentemente que a 2ª opção acima se adequa melhor ao caso pois o conspirador G Soros é um dos maiores conspiradores maçonistas, cujos antecedentes vêem dos iluministas, do heresiarca Lutero dando aquela força aos projetos dos material-ateístas, a começar do doutrinario marginal protestante!
    Posteriormente, apareceram os revolucionarios da Rev Francesa; mais adiante os Carbonarios até chegarmos hoje aos atuais globalistas, cujos projetos como constam no post, objetivam destruir os alicerces do cristianismo católico pois, sem ele, as pessoas são facilmente cooptadas e submetidas nas ideologias marxistas com facilidade!
    Alguns desses conspiradores são conhecidos, como o Soros, os Rothschild, os Rockfeller etc., na mesma direção de alienar o mundo para um projeto de dominação!
    Apesar disso, a sempre grande maioria deles bastante poderosos agem camuflados na penumbra, sendo visiveis por meio de seus fantoches nas lideranças de todos os partidos social-comunistas e das facções do Islã!
    Incluem-se além desses acima, os traidores da fé dentro de nossa Igreja em favor desses relativistas, caso da esquerdita TL e da CNBB defendendo publicamente projetos de "Reforma Política para Eleições Limpas" do satanista PT e pró projeto de poder de Lula-Dilma dessa mesma Mafia no Brasil!
    Assim, enquanto esses conspiradores-mor controlam as finanças, já que esse seletíssimo grupos de satanistas precursores do anticristo é composto apenas de ultra capitalistas, usam de seus poderios para pisarem nos outros e se imporem!
    Bem proximamente a nós, os fascistas, nazistas e comunistas são filhos da mesma estirpe, sendo que aqueles dois primeiros relatados estão agora incorporados aos grupos das ideologias marxi-comuno-socialistas - os quais, por sua vez, são aliados de conveneincias de momento dos diabolistas do Islã - embora se odeiem!
    Trata-se que ambos querem destruir a civilização cristã Ocidental e nesse diabolista projeto, momentaneamente estão aliados, embora ambos atendam os globalistas!
    Todos eles têm um odio particular à Igreja católica, pois ao relativista protestantismo nenhuma objeção fazem, pois as lideranças protestantes estão recheadas de maçonistas e entre si mesmos varios super pastores se acusam dessas associações, cujas pertenças à maçonaria não são falsas, tendo-se em conta que o proprio alienante protestantismo é uma parodia do cristianismo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parece até que o objetivo é principalmente acabar com a Igreja Católica. Dizem que a Igreja é repressora e tal, mas fazem aliança com mulçumanos?! O islam é que é a verdadeira repressora.

      Excluir

** Assine a revista O Fiel Católico digital e receba nossas novas edições mensais em seu e-mail por uma colaboração mensal de apenas R$7,00. Ajude-nos a continuar trabalhando pelo esclarecimento da fé cristã e católica!


AVISO aos comentaristas:
Este não é um espaço de "debates" e nem para disputas inter-religiosas que têm como motivação e resultado a insuflação das vaidades. Ao contrário, conscientes das nossas limitações, buscamos com humildade oferecer respostas católicas àqueles sinceramente interessados em aprender. Para tanto, somos associação leiga assistida por santos sacerdotes e composta por professores doutores, mestres e pesquisadores. Aos interessados em batalhas de egos, advertimos: não percam precioso tempo (que pode ser investido nos estudos, na oração e na prática da caridade) redigindo provocações e desafios infantis, pois não serão publicados.

Receba O Fiel Católico em seu e-mail