SESC Pompeia traz Judith Butler, a inventora da ideologia de gênero

Por Felipe Marques – Fraternidade São Próspero



IDEALIZADORA E UMA das principais promotoras da ideologia de gênero no mundo, virá ao Brasil, entre os dias 7 e 9 de novembro, a "figuraça" Judith Butler, participar do Simpósio Internacional “Os Fins da 'Democracia'”. – Sim, mais uma vez, a mofada desculpa da "democracia", usada, como de costume, para justificar a barbaridade da vez que a esquerda promove como alavanca para suas ambições de poder. Uma "democracia" meio estranha, que se preocupa exclusivamente com as vontades de uma elite que, desgraçadamente, dominou os meios de comunicação e as instituições de ensino, enquanto ignora solenemente o desejo da esmagadora maioria da população. Mas tão logo cheguem ao poder, a preocupação com a "democracia" acaba num piscar de olhos, como a História demonstra tão bem.

Butler, para quem ainda não sabe, propõe a desconstrução da identidade humana por meio da desconstrução da sexualidade. Segundo ela, “homem e masculino podem facilmente significar tanto um corpo feminino como um corpo masculino, e mulher e feminino podem significar tanto um corpo masculino como um corpo feminino”. Não satisfeita em contrariar a simples verdade objetiva dos fatos, por meio daquilo que chama de "performance", propõe que as pessoas vivenciem todo tipo de experiência sexual.

Temos visto nos últimos anos alguns exemplos realmente muito graves da aplicação da ideologia de gênero em nossas escolas. Recentemente, em uma escola tradicional de São Paulo, uma das turmas teve que apresentar um trabalho que explicasse os mais de trinta gêneros existentes(!) segundo a ideologia, que desgraçadamente é adotada pela maioria dos nossos professores, que são, em sua quase totalidade militantes esquerdistas (anticristãos, antifamília, pró-aborto, etc.).

 Não podemos permitir que a promotora dessa ideologia criminosa promova em nosso país suas ideias absurdas, que têm por objetivo acelerar (ainda mais) o processo de derrocada da família e corrupção da sociedade.

Assine a campanha para enviar seu e-mail ao Sesc Pompeia e pedir o cancelamento das palestras de Butler:

** Pelo cancelamento da palestra de judith butler no sesc pompeia

*** Nos vídeos abaixo, comentários de Allan dos Santos e de Bernardo Küster sobre o caso:





_____
Adaptado do texto da petição do CITIZENGO

** Assine a revista O FIEL CATÓLICO e tenha acesso a muito mais!
www.ofielcatolico.com.br

10 comentários:

  1. Já assinei a petição da CITIZENGO e enviei a mensagem para vários contatos.Fico feliz por vocês estarem reforçando essa Campanha de assinaturas pelo cancelamento da palestra da Judith Butler. Que Deus,Nosso Senhor,por sua vez,faça valer todos esses esforços pelos Méritos infinitos de Seu Filho Jesus e da Sua Amantíssima Serva, a Imaculada Virgem Maria!

    ResponderExcluir
  2. Li em algum lugar, agora não lembro, que nós conservadores não deveríamos utilizar as mesmas táticas dos esquerdistas, ou seja, censurar, boicotar, etc (pelo menos num caso desses de mera palestra, não aquelas barbaridades obscenas de museus, atentados ao sagrado, etc), pois assim a gente estaria se igualando a eles (que, por exemplo, censuraram o filme sobre o Olavo de Carvalho)... ao que parece, a melhor maneira de ridicularizar e fazer morrer as ideias esquerdistas, feministas, gayzistas, etc, é justamente deixá-los falar, para assim expor como são ridículos e totalmente desprovidos de lógica e dignidade, além do que sempre alguém inteligente está nessas plateias e poderá facilmente desmascará-los. Entretanto, se fizermos deles uns mártires, com esse tipo de movimento para impedir uma simples palestra, então eles podem até sair fortalecidos, ao se fazerem de vítimas e boicotados... não sei bem o que os nobres administradores aqui da página pensam a respeito, mas ao meu ver tem certa lógica o que tentei explicar aqui.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No primeiro vídeo que disponibilizamos ao final do artigo, o Alan dos Santos responde exatamente a esse tipo de argumentação, Adilson.

      A Paz de Nosso Senhor Jesus Cristo

      Apostolado Fiel Católico

      Excluir
  3. Judith Butler, a maldita criadora da ideologia de gênero. Esse ser andrógino, repugnante. Não sei como pode o Sesc abrir espaço para isso.... este espaço está cada vez pior.Fora Butler, fora sua ideologia de gênero...

    ResponderExcluir
  4. você poderia refutar o argumento da virgula e da preposição (que) na frase de jesus ao ladrão prometendo que ele estar no paraíso com ele

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. por favor eu estou em duvida sobre a imortalidade da alma

      Excluir










    2. Siga o link abaixo e encontrarás respostas

      http://www.ofielcatolico.com.br/search?q=bom+ladr%C3%A3o&btnG=Pesquisar+neste+Site

      Sidnei

      Excluir
    3. "maios uma opniao", suas dúvidas dizem respeito ao quê? Não entendi as questões, talvez o pessoal do blog também não entenda.

      Excluir
    4. aquela historia que a frase não e te digo que hoje estará no paraíso comigo
      e sem te digo hoje,estarás no paraíso

      Excluir
  5. Alguém devia avisar a "desavisada" senhora que o ser humano só pode nascer com cromossomos sexuais XX ou XY, salvo as muito raras anomalias. E isso não são apenas letrinhas sobre as quais se pode tripudiar à vontade.

    ResponderExcluir

** Assine a revista O Fiel Católico digital e receba nossas novas edições mensais em seu e-mail por uma colaboração mensal de apenas R$9,50. Ajude-nos a continuar trabalhando pelo esclarecimento da fé cristã e católica!


AVISO aos comentaristas:
Este não é um espaço de "debates" e nem para disputas inter-religiosas que têm como motivação e resultado a insuflação das vaidades. Ao contrário, conscientes das nossas limitações, buscamos com humildade oferecer respostas católicas àqueles sinceramente interessados em aprender. Para tanto, somos associação leiga assistida por santos sacerdotes e composta por professores doutores, mestres e pesquisadores. Aos interessados em batalhas de egos, advertimos: não percam precioso tempo (que pode ser investido nos estudos, na oração e na prática da caridade) redigindo provocações e desafios infantis, pois não serão publicados.

Receba O Fiel Católico em seu e-mail