Sobre a nomeação do Cardeal Burke à Cúria Apostólica


FOI RECENTEMENTE DIVULGADO pela Sala de Imprensa da Santa Sé (30/9/2017) que o Papa Francisco nomeou o Cardeal Raymond Leo Burke como membro da Signatura Apostolica (Suprema Corte da Santa Sé), após três anos de sua demissão da Prefeitura desta mesma corte (junto com Burke foram nomeados os Cardeais Vallini e Menichelli). O Cardeal Burke é mundialmente reconhecido por ser um dos autores das Dubia que questionam pontos heterodoxos ou dúbios da Amoris Laetitia

A recente nomeação, entretanto, é apenas para juiz-membro do Supremo Tribunal da Assinatura Apostólica. É usual que cardeais sejam membros de várias congregações romanas, mas este não é o caso de Burke: desde que deixou o comando do supremo tribunal da Igreja, o purpurado americano foi também afastado da Congregação para o Culto Divino, (em novembro de 2016, imediatamente após a divulgação dos dubia)

Com a nomeação do arcebispo Angelo Becciu como delegado especial do Papa para a Ordem de Malta, a Burke restou somente o título de "cardeal patrono", sem nenhuma função efetiva. Burke, com apenas 69 anos (relativamente jovem para a função), já é tratado como cardeal aposentado. Dos outros quatro nomeados juntamente com ele, por Bento XVI, três são já eméritos.

O Cardeal Burke atuou como prefeito do Tribunal durante seis anos antes de ser destituído, em 2014, e nomeado patrono da Ordem de Malta, um cargo predominantemente cerimonial. Na ocasião, era bastante incomum destituir um cardeal de posição hierárquica tão elevada sem designá-lo a responsabilidades compatíveis em algum outro lugar.

____
Fontes e ref.:
• Instituto Bento XVI, em:
http://institutobentoxvi.blogspot.com.br/2017/09/urgente-cardeal-burke-de-volta-curia.html
Acesso 2/10/2017
• Apostolado Fratres in Unun, em:
https://fratresinunum.com/2017/10/02/burke-de-volta-a-assinatura-apostolica-mas/
Acesso 2/10/2017
www.ofielcatolico.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

** Assine a revista O Fiel Católico digital e receba nossas novas edições mensais em seu e-mail por uma colaboração mensal de apenas R$9,50. Ajude-nos a continuar trabalhando pelo esclarecimento da fé cristã e católica!


AVISO aos comentaristas:
Este não é um espaço de "debates" e nem para disputas inter-religiosas que têm como motivação e resultado a insuflação das vaidades. Ao contrário, conscientes das nossas limitações, buscamos com humildade oferecer respostas católicas àqueles sinceramente interessados em aprender. Para tanto, somos associação leiga assistida por santos sacerdotes e composta por professores doutores, mestres e pesquisadores. Aos interessados em batalhas de egos, advertimos: não percam precioso tempo (que pode ser investido nos estudos, na oração e na prática da caridade) redigindo provocações e desafios infantis, pois não serão publicados.

Receba O Fiel Católico em seu e-mail