Você tem um projeto pessoal de vida?

Prof. Dr. Joel Gracioso especialmente para 'O Fiel Católico'



EM TODO FINAL e início de ano, geralmente, sonhamos e prometemos muitas coisas. Ora, por que não aproveitar este entusiasmo inicial para de fato pensar um Projeto pessoal de vida?

Muitas pessoas constantemente não se sentem realizadas e não conseguem ver sentido algum naquilo que fazem. Trabalham, estudam, namoram, ajudam na igreja,mas no fundo fazem tudo isso de maneira automática e irrefletida. Infelizmente, muitas vezes, só paramos para pensar sobre o sentido da vida quando algum problema grave acontece conosco, como a morte de um ente querido, perda do emprego, um pecado grave, etc. Mas não precisa ser assim.

Na vida precisamos ter metas e saber fazer escolhas. Muitas vezes vamos vivendo sem rumo e objetivos claros. Isso colabora profundamente para nos sentirmos vazios, angustiados e desorientados.

É possível e devemos ter um Projeto pessoal de vida se quisermos cumprir a missão que Deus nos deu. Muitos desanimam e desistem no meio de suas caminhadas porque são indisciplinados e desorganizados. Não programam seu ano, mês ou semana. Têm, muitas vezes, uma Teologia da Graça e da Providência equivocada, achando que a Graça de Deus substitui a natureza, enquanto a Tradição cristã vem nos ensinar que a Graça pressupõe a natureza.

Deus nos deu duas coisas fundamentais: a inteligência e a vontade; a primeira para conhecermos a verdade e a segunda para querermos o bem. Para isso precisamos que a Graça de Deus toque essas duas faculdades da alma, – mas também é necessário que colaboremos com a Graça, educando-as. – Ou seja, com certeza Deus cuida dos seus filhos e os auxilia, porém isso não significa que nós não somos responsáveis por nada.

Para que você tenha um Projeto de vida é importante buscar, em primeiro lugar, o autoconhecimento, interrogando-se a si mesmo: quem sou eu? De onde vim? Para onde vou? Quais minhas competências e talentos? Quais meus pontos fortes e fracos? Qual minha opção fundamental? Quais escolhas estou fazendo de fato no dia a dia? O que fazer com minhas frustrações e fracassos? Qual é minha vocação?

A partir deste autoconhecimento primordial vamos formando uma imagem mais clara de nós mesmos e de nossa história, e enxergando com maior clareza, também, em que podemos colaborar na construção do Reino de Deus e qual o sentido real da nossa vida.

Enfim, percebemos que muitas coisas acontecem em nossas vidas pelas escolhas certas ou erradas que fazemos, e outras ocorrem independente das nossas escolhas. Entretanto, mesmo em relação àquelas coisas que ocorreram sem nosso desejo ou planejamento, somos livres, pois podemos nos posicionar perante elas.

Talvez o segredo para descobrir o sentido da vida e cumprir a missão que Deus nos deu seja: abrir-se à Graça de Deus e planejar a própria vida a partir de um autoconhecimento equilibrado; saber lidar com nossos fracassos e frustrações; ter claro, como um filósofo uma vez afirmou, que o importante não é o que fizeram conosco, mas sim o que fazemos com o que fizeram conosco.
www.ofielcatolico.com.br

12 comentários:

  1. Caríssimos e amados irmãos em Nosso Senhor Jesus Cristo!

    Que a graça do Pai, a paz de Nosso Senhor Jesus Cristo e o amor da sempre Virgem Maria, estejam com todos fieis católicos e familiares neste ano novo, que este santo Apostolado seja para todos nós católicos e não católicos, canal de graça e conhecimento das verdades de Nosso Senhor Jesus Cristo, para que nunca nos deixe caí na tentação duvidosa “De onde és tu ?”! (S. Jo 19, 9)

    Louvado Seja Nosso Senhor Jesus Cristo!

    Khaire Maria!

    ResponderExcluir
  2. A poucas horas de encerrarmos mais um ano, estou passando aqui apenas para agradecer imensamente a todos que trabalham neste apostolado.
    Eu o descobri em meados deste ano, e logo me tornei assinante da revista - nada mais justo - considerando tanto enriquecimento adquirido, principalmente teológico, e o preço praticamente simbólico de R$7,00.
    Digo também que aprendi muito com os comentários, quer sejam de Católicos ou não.
    Quero desejar a todos uma excelente passagem de ano, e que em 2016 o Senhor continue nos reunindo no Seu amor e na constância do seu Filho.

    Um forte abraço meus amigos !!!

    Max

    ResponderExcluir
  3. Nós, da Associação São Próspero, desejamos a todos os nossos leitores, colaboradores, amigos e irmãos em Cristo, uma abençoada passagem de ano e um iluminado início do ano do Senhor 2016, que se aproxima.

    Rezemos em ação de graças e pedindo por forças para enfrentarmos com honra cristã mais este ciclo. Pela intercessão da santa Virgem, pedimos a Nosso Senhor por todos vocês!

    Ave Maria, cheia de Graça...

    Pai Nosso, que estais nos Céus...

    Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo, assim como era no princípio, agora e sempre, por todos os séculos dos séculos,

    Amém.

    Apostolado Fiel Católico

    ResponderExcluir
  4. Salve Maria Imaculada, mãe de nosso Senhor!

    Obrigada a todos pela ajuda, aos que compartilharam conosco suas dúvidas, suas angústias, suas desilusões ou alegrias, suas conquistas, pelos que manifestaram agradecimento...

    Agradeço eu a Deus por estar sempre à frente das minhas decisões neste ano que se encerra, esperando que continue me fortalecendo, ao lado do meu marido, Henrique, a continuar trabalhando pelo bem da Igreja e maior Glória de Deus.

    Aguardem grandes novidades para 2016!

    Associação São Próspero

    ResponderExcluir
  5. Que tenhamos todos um feliz ano novo e um 2016 abençoado por Nosso Senhor! Obrigado por tudo, queridos irmãos do apostolado e que o vosso trabalho de evangelização continue e cresça ainda mais neste ano que se inicia, para a Glória de Deus.
    A paz de NSJC!

    ResponderExcluir
  6. Sagrado Coracao de Jesus e Maria rogai por nois que recorremos a vois neste ano de 2016 o ano da misericordia

    ResponderExcluir
  7. Boa tarde o fiel católico estou passando só para agradecer a dedicação e o trabalho fantástico dos senhores confesso q conheço o site a menos de um semana mas estou encantada com tudo q estou ganhando isso mesmo ganhando porém acredito q é uma resposta de Deus pois a alguns dias estavA com o coração pesado cheio de aflição buscando algo ou alguém q me ajudasse a conhecer melhor minha fé a minha Igreja e Deus me guiou até os senhores. Q Deus continue lhes abençoado derramando seu Espírito Santo da verdade

    ResponderExcluir
  8. Boa tarde Site O Fiel Católico estou passando só para agradecer esse fantástico trabalho confesso q só conheço o site a menos de uma semana mas tenho certeza q foi um resposta de Deus as minhas orações q Deus continue lhes abençoando derramando seu Espírito Santos sobre todos vc. Vcs estarão em minhas orações

    ResponderExcluir
  9. Boa noite Henrique, sua esposa, familiares e todos os que estão envolvidos nesse grande apostolado, que é o FIEL CATÓLICO. Há muito tempo acompanho esse trabalho de evangelização e, não me furto dizer que entre tantos outros sites e blogs que conheço, este é, sem dúvida, verdadeiramente fiel às tradições da Igreja Católica Apostólica Romana. É uma pena que nem todos os que tiveram a indicação deste site, o conhecem. Tenho a certeza que no tempo de Deus, Ele haverá de mostrar o caminho à essas pessoas. Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo e Maria Santíssima por vocês existirem. Desejo a todos um Feliz 2016 com bênçãos abundantes a todos os que realizam o trabalho e a todos os fiéis, católicos ou não, que se alimentam espiritualmente desse aprendizado.

    ResponderExcluir
  10. Uma geração passa, outra vem; mas a terra sempre subsiste. O sol se levanta, o sol se põe; apressa-se a voltar a seu lugar; em seguida, se levanta de novo (Ecl 1,4-5). Eu vejo a passagem do ano novo como sendo só mais um dia qualquer, porém, querendo ou não, gostando ou não, nos vemos todos diante de uma nova perspectiva que se faz. Todo o trabalho do homem é para a sua boca, e, entretanto, seus desejos não são satisfeitos (Ecl 6,7). Mas nem só de pão viverá o homem, mas de toda palavra que procede da boca de Deus (Mt 4,4).

    Eu vejo muitas pessoas buscando comemorar o ano que se adentra. É aquela coisa: ano novo, vida nova. Como disse Camões, jamais haverá ano novo se continuar a copiar os erros dos anos velhos. Eu vejo pessoas que, nessa falsa esperança, desejam começar bem o ano novo, mas devido aos seus velhos e repetidos excessos, começam muito mal, embriagadas, neuróticas e tal. E como se não bastasse, pagam o mal com o mal, bebendo mais para rebater e remoendo o que aparentemente teria passado. Aconteceu-lhes o que diz com razão o provérbio: O cão voltou ao seu vômito {Pr 26,11}; e: A porca lavada volta a revolver-se no lamaçal (2 Pe 2,22).

    Essa alegoria do embriagado que acorda o ano novo com ressaca (infelizmente eu tenho um parente assim) vale para qualquer problema nosso (eu que o diga), que, provindos do coração (Mt 15,19), são muitas vezes manifestados na carne (Gl 5,19-21). Devemos deixar a procrastinação para trás e fazer as coisas agora mesmo com um ânimo como se nos urgisse ir retirar a nossa ovelha que caiu no poço (Mt 12,11). A cada dia basta o seu cuidado (Mt 6,34), e se pela tarde houver pranto, de manhã volta a alegria (Sl 29,5). É nesse ínterim, a cada dia, conservando-nos firmemente apegados à nossa esperança, porque é fiel aquele cuja promessa aguardamos (Hb 10,23), é que devemos ser novas criaturas em Cristo Jesus (2 Cor 5,17).

    Senhor Jesus Cristo, dissestes aos vossos apóstolos: eu vos deixo a paz, eu vos dou a minha paz (Jo 14,27). Não olheis os nossos pecados, mas a fé (cf. Hb 11,6) que anima vossa Igreja; dai-lhe, segundo o vosso desejo, a paz e a unidade. Vós, que sois Deus, com o Pai e o Espírito Santo. Amém!

    Esses são os meus votos de um feliz 2016 a todos. Paz e Bem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ''No dia da felicidade, sê alegre; no dia da desgraça, pensa; porque Deus fez uma e outra, de tal modo que o homem não descubra o futuro.'' (Eclesiastes 7,14)

      Lembremo-nos da parábola do amigo importuno: se batessem à meia-noite na nossa porta, mesmo assim, pela importunação, atenderíamos e nem diríamos ''volte amanhã'' só por já estarmos deitados, pois caso contrário, o Senhor não nos atenderia também (Pr 1,28). Se atendemos um amigo importuno ou quem quer que seja, mesmo que estejamos tíbios, devemos ser assim com nós mesmos, ter ao menos tal diligência de quem ouve e atende, não deixando para amanhã, semana que vem, mês que vem ou para o ano novo o que podemos fazer hoje, porque o insensato cruza os braços e devora sua própria carne (Ecl 5,4), e quando as mãos são inativas choverá dentro da casa (Ecl 10,18). Mas cada coisa no seu devido tempo (Ecl 3,1-8). Doce é o sono do trabalhador, tenha ele pouco ou muito para comer (Ecl 5,12). Os que suportam os sofrimentos de Jó são felicitados(Tg 5,11). Busquemos o Senhor de todo o nosso coração (Jr 29,11-13) e peçamos para que se nos possa ser dado (Mt 7,7-12/ Lc 11,5-13), sempre orando e laborando.

      Apesar de todos os percalços, tende ÂNIMO, ÂNIMO E ÂNIMO (Jo 16,33)!

      Excluir
  11. Desejo, de coração,que esse site continue edificando muitas vidas!Cada resposta,cada postagem,tantos esclarecimentos verdadeiros! Uma obra linda a serviço do Nosso Senhor Jesus Cristo. Vamos divulgar mais e mais, para que tantos, assim como eu, alimentem sua mente, corpo e Espírito, com conhecimento de qualidade e iluminado pelo poder do Espírito Santo!Que Nosso Senhor, continue abençoando cada um de vcs,que fazem parte desse apostolado e cada um de nós, que somos seus fiéis seguidores.
    Amém

    ResponderExcluir

** Assine a revista O Fiel Católico digital e receba nossas novas edições mensais em seu e-mail por uma colaboração mensal de apenas R$7,00. Ajude-nos a continuar trabalhando pelo esclarecimento da fé cristã e católica!


AVISO aos comentaristas:
Este não é um espaço de "debates" e nem para disputas inter-religiosas que têm como motivação e resultado a insuflação das vaidades. Ao contrário, conscientes das nossas limitações, buscamos com humildade oferecer respostas católicas àqueles sinceramente interessados em aprender. Para tanto, somos associação leiga assistida por santos sacerdotes e composta por professores doutores, mestres e pesquisadores. Aos interessados em batalhas de egos, advertimos: não percam precioso tempo (que pode ser investido nos estudos, na oração e na prática da caridade) redigindo provocações e desafios infantis, pois não serão publicados.

Receba O Fiel Católico em seu e-mail