Sobre Damares Alves – uma brevíssima reflexão para hoje


Por Padre Silvio Roberto

A NOSSA FUTURA Ministra da Família e dos Direitos Humanos – Damares Alves – é mulher, foi vítima de violência sexual na infância e adotou uma criança indígena. Teria tudo, portanto, para ser respeitada pela esquerda, se nos basearmos naquilo que eles costumam defender com veemência e em que se baseiam para atacar Bolsonaro (machista, racista, intolerante, etc.). Soma-se a isso, ainda, a sua formação técnica.

Mas na prática nada disso vale para os esquerdistas. Como ela não é feminista, nem defensora do aborto e da destruição da família, então não serve para eles, e por isso é atacada e desrespeitada de todas as formas, principalmente por meio do deboche

Esclarecendo que os eles aqui são "artistas", políticos do PT, PC do B e PSOL, alguns comentaristas famosos como Leandro Karnal, etc. Fiéis católicos, fiquemos atentos com essa gente!

** Assine a revista O FIEL CATÓLICO e tenha acesso a muito mais!
www.ofielcatolico.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

** Inscreva-se para o Curso Livre de Teologia da Frat. Laical São Próspero e receba livros digitais de altíssima qualidade todos os meses, além de áudio-aulas exclusivas e canal para tirar suas dúvidas, tudo por R$29,00/mês. Ajude-nos a continuar trabalhando pelo esclarecimento da fé cristã e católica!


AVISO aos comentaristas:
Este não é um espaço de "debates" e nem para disputas inter-religiosas que têm como motivação e resultado a insuflação das vaidades. Ao contrário, conscientes das nossas limitações, buscamos com humildade oferecer respostas católicas àqueles sinceramente interessados em aprender. Para tanto, somos associação leiga assistida por santos sacerdotes e composta por professores doutores, mestres e pesquisadores. Aos interessados em batalhas de egos, advertimos: não percam precioso tempo (que pode ser investido nos estudos, na oração e na prática da caridade) redigindo provocações e desafios infantis, pois não serão publicados.

Paginação numerada



Subir