Exorcista alerta: o Walmart comercializa centenas de produtos satânicos pela internet


UM PADRE EXORCISTA CRITICOU a rede multinacional de supermercados Walmart por promover o mal através de seu catálogo pela internet, no qual oferece cerca de 440 artigos considerados por ele como demoníacos. "Ou estão promovendo intencionalmente coisas demoníacas, ou são ignorantes. De qualquer maneira, são responsáveis ​​por difundir o mal", manifestou um exorcista identificado apenas como "Pe. Michael"...
Em um artigo publicado pelo "National Catholic Register" (veja), informou-se que o catálogo de 22 páginas da rede varejista inclui desde esculturas e figuras demoníacas até (pasme o leitor) pornografia satânica que blasfema a Crucifixão de Cristo, joias com pentagramas e outras imagens do satanismo. Também oferece livros como a "Bíblia satânica" e livros contendo feitiços de magia negra.

Entre os produtos mais chocantes está o Baphomet, uma figura com chifres e cabeça de bode que se identifica como o símbolo da "igreja de Satanás". “Eu já recebi pessoas que estavam possuídas e manifestaram esse demônio. Os demônios mantêm o posto que tinham antes de caírem. Assim como existem nove coros de anjos, existem nove coros de demônios", afirmou o exorcista, cujo sobrenome foi preservado.

Nesse sentido, o sacerdote avisou que "usar um ícone de algo satânico abre uma pessoa para uma presença demoníaca". "Isso é algo muito sério", assinalou Pe. Michael, exorcista de sua diocese durante uma década. E advertiu:

Quando as pessoas se juntam a cultos e fazem juramentos de sangue, elas realmente se ligam a Satanás, mas comprar produtos satânicos de alguma maneira abre a pessoa para sua influência e também o promove para que outros possam vê-lo. Isso claramente não é a obra de Deus.

O exorcista assinalou que banalizar o mal através da venda de produtos satânicos coloca as pessoas em risco. "Francamente, não ficaria surpreso se em algum momento pudessem ser responsáveis, então deveriam prestar atenção nisso", indicou.

O exorcista advertiu que todo católico deveria rejeitar qualquer coisa oculta, uma vez que quando se abre a porta ao diabo, nem sempre é tão fácil fechá-la. "As pessoas nem sempre percebem o quão perigosas são as coisas que estão fazendo, ou têm dificuldade em deixá-las". "Só porque alguém quer que os demônios saiam não significa que eles irão embora", acrescentou.

Sobre a opressão ou depressão demoníaca, afirmou que isso pode ser muito assustador, e que geralmente incluem ataques físicos, sintomas e eventos estranhos. "As pessoas às vezes ouvem vozes satânicas em suas cabeças que dizem coisas como: 'Não vamos deixar você... você pertence a nós... você nunca se livrará de nós'".

Pe. Michael disse que aqueles que sentem a opressão do diabo devem recorrer à Confissão, pois muitas vezes isso termina com o assédio demoníaco. "Também lhes digo que parem com qualquer prática na qual tenham participado e comecem a levar uma boa vida católica com oração e virtude", concluiu.

+   +   +

* No vídeo abaixo, padre Duarte Lara esclarece didaticamente algumas das principais dúvidas sobre a influência e a possessão demoníacas, exorcismo e outros temas semelhantes:



** Assine a revista O FIEL CATÓLICO e tenha acesso a muito mais!


_________
• Com ACI Digital

2 comentários:

  1. Em tempos em que tudo tem aparência de bem e normalidade, onde o certo virou errado e vice-versa, necessário se faz mais ainda ir em busca da verdade - Jesus Cristo - e após encontrá-la, fortalecer-se na fé, virtude essa teologal que nos faz viver unidos a Cristo e após a nossa morte ser penhor (garantia) da vida eterna!

    ResponderExcluir

** Inscreva-se para o Curso Livre de Teologia da Frat. Laical São Próspero e receba livros digitais de altíssima qualidade todos os meses, além de áudio-aulas exclusivas e canal para tirar suas dúvidas, tudo por R$29,00/mês. Ajude-nos a continuar trabalhando pelo esclarecimento da fé cristã e católica!


AVISO aos comentaristas:
Este não é um espaço de "debates" e nem para disputas inter-religiosas que têm como motivação e resultado a insuflação das vaidades. Ao contrário, conscientes das nossas limitações, buscamos com humildade oferecer respostas católicas àqueles sinceramente interessados em aprender. Para tanto, somos associação leiga assistida por santos sacerdotes e composta por professores doutores, mestres e pesquisadores. Aos interessados em batalhas de egos, advertimos: não percam precioso tempo (que pode ser investido nos estudos, na oração e na prática da caridade) redigindo provocações e desafios infantis, pois não serão publicados.

Paginação numerada



Subir